Comportamento, Música

A Palavra [2]: RESUMO

Com este trabalho monográfico, pretendemos tratar do fenômeno da linguagem com base nos escritos da obra Investigações Filosóficas de Ludwig Wittgenstein. Fenômeno este, concebido pelo filósofo como resultado dos processos humanos de interação social. Nesse sentido, buscamos situar o referido fenômeno no conjunto das atividades humanas realizadas em comunidade de modo que possamos, através da consciência de sua prática, colocá-la no âmbito das coisas imanentes. O fenômeno da linguagem é analisado sob o prisma das relações que os homens formam entre si e relativamente ao meio no qual estão integrados. Os caminhos trilhados por Wittgenstein na obra supra mencionada orientam-nos para uma nova concepção da linguagem humana. Para o filósofo, essa linguagem é fruto de nossa práxis cotidiana, a qual engendra os mecanismos de comunicação e de troca de experiências, os quais participam da totalidade de nosso conhecimento. Essa linha de raciocínio nos leva ao consequente descobrimento de uma linguagem que se impõe como condição de possibilidade da realização do conhecimento humano enquanto tal, uma vez que, sendo parte do conjunto das atividades humanas, é realizada na medida em que se pratica uma atividade. Dessa forma, concluímos que as palavras adquirem significação mediante o uso que delas é feito no conjunto da linguagem humana, sendo, portanto, resultado do processo de socialização do homem.

Palavras-chave: Linguagem. Conhecimento. Reviravolta.


Links:

 

Anúncios

Ajude-nos a melhorar. Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s